Prefeito e vice não querem falar sobre as Diárias dos Motoristas de ônibus da Prefeitura

Escrito por

Esse assunto o Prefeito Emerson (PMDB) e o vice Elias (PSD)  NÃO QUEREM FALAR. É sobre as Diárias dos Motoristas que fazem as linhas das faculdades.

Em 12 abril encaminhamos o primeiro e-mail sobre quais procedimentos são adotados atualmente para que os motoristas recebam as diárias oferecidas pela Prefeitura à todos os funcionários, inclusive o Prefeito, quando esses estão em viagem a serviço. O objetivo é saber se estão tratando os motoristas igualmente aos demais funcionários públicos.

Esse e-mail foi respondido no mesmo dia pela assessoria de imprensa, disse que a procuradora geral do município, Rosane, estava providenciando a resposta. Como até o dia 19 nada foi falado, retornei o contato pedindo explicação, a procuradora respondeu “será verificado com a secretaria de Administração”. Fiquei impressionado como eles tem dificuldade de responder algo tão simples.

Então utilizei o Canal da Lei de Acesso a Informação, assim em 24 de abril encaminhei o questionamento pelo canal e o prazo oficial para resposta foi dia 15 de maio e nada aconteceu. Isso é muito estranho, não querem falar nem pelo canal de transparência!

Hoje completa 41 dias do primeiro questionamento.  Aos senhores motoristas das linhas das faculdades: o decreto de 2013 diz dentre todas normativas que “O servidor deverá apresentar um documento fiscal por dia, a fim de comprovação da viagem”, assim não pede obrigatoriedade do CPF e muito menos que seja o valor da nota na integra, isso serve para todos os funcionários, inclusive o prefeito e vice. Qualquer situação que não obedeça esse decreto é cabível de denúncia.

Confira no Canal da Lei de Acesso a Informação

_______________________________________________________________________

Leia também 

Post de 24 de abril:

DIÁRIA DOS MOTORISTAS! Encaminhamos ao Prefeito Emerson (PMDB), ao Vice Elias, (PSD), Procuradora Geral do Município, Rosane Posanske, ao Chefe do Gabinete, Hermandes e Assessoria de Comunicação, questionamento sobre a gestão das diárias dos motoristas que fazem a linha das Faculdades. O primeiro e-mail encaminhado foi em 12 de abril, no mesmo dia a assessoria respondeu que a procuradora estava providenciando a resposta, no dia 19 encaminhei nova mensagem para lembrá-los, na quinta, 20, a procuradora respondeu que “será verificado com a secretaria de Administração”. A pergunta foi simples, dentro do contexto colocado no e-mail: “o procedimento exigido aos motoristas que fazem a linha faculdade para receber as diárias seguem o mesmo padrão dos demais funcionários, como por exemplo, o Prefeito?”. Ao que parece a resposta é complexa. Considerando que uma das promessas de campanha do Prefeito e Vice é uma administração eficiente e transparente, diante dessa dificuldade na resposta, encaminhamos também uma solicitação via Lei de Acesso a Informação, mesmo porque, a classificação da transparência dos municípios é balizada também pela comunicabilidade nesse canal. *As diárias, são valores recebidos pelos funcionários que se deslocam a outras cidades, não vizinhas, à serviço da Prefeitura, regulamentada pelo decreto 1080 de 22 de abril de 2013.

Comentários

Artigos da Categoria:
Educação · Transparência

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Menu Title