Coletor público de reciclados não suporta a demanda e prejudica o meio ambiente em Porto Belo

Escrito por

É O LOCAL IDEAL? É O SERVIÇO CORRETO?  Esse coletor de reciclagens fica no centro de Porto Belo, numa pequena praça, a beira do Rio Rebelo, conhecido também como esgoto a céu aberto. Como percebem pelas fotos o coletor é pequeno devido a demanda ou o intervalo de coleta é muito distante. Segundo morador, essa cena é comum.  O contrato vigente de serviço de coleta, transporte, triagem com encaminhamento para destinação final de lixo reciclável foi feito pela gestão do Prefeito Emerson Stein e Elias Cabral, com a empresa Reciclagem N M J W LTDA (conhecida como Reciclagem Wanat de Nova Trento) em 13/07/2018 com término em 13/07/2019 (um ano), ao valor de R$ 678.000,00, pago pela FAMAP, nosso dinheiro. Antes desse havia um contrato de R$ 352.500,00 por um ano também com a mesma empresa, totalizando R$ 1.030.050,00: Pergunta-se: É correto um coletor de reciclagem a beira de um Rio?  Falam que precisam conscientizar os cidadãos em disponibilizar os reciclados, quando tem alta demanda não tem local apropriado. Será que isso significa conscientizar e motivar o descarte correto? Quantas pessoas deixaram de colocar os materiais reciclados nesse local por ver uma cena dessa? É interessante uma praça paga com recursos públicos, nosso dinheiro, receber esse tratamento?  Como a Fundação do Meio Ambiente tendo os cargos comissionados (de confiança do Prefeito) Diretor de Fiscalização, Diretor de Conservadorismo e Procurador Ambiental permite esse tipo de serviço? Além do contrato também pagamos os salários desses para que não vejamos uma cena dessa.

Artigos da Categoria:
Meio Ambiente

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *