Mais Eco não cumpre a promessa de implantar pontos para a coleta de sofás e guarda-roupas

Escrito por

O proprietário da empresa GR Transporte, Coleta e Reciclagem Eireli – ME (+ ECO) , Germano Raymundi,  empresa que faz a coleta seletiva em Porto Belo,  disse em julho de 2015 ao Jornal Sol Diário: “No fim do ano [2015]  a ideia é implantar pontos para a coleta de volumosos (sofá, guarda-roupa) e eletroeletrônicos”. Passamos 14 dias do prazo dito pelo empresário e até o momento nada.

Segundo o Portal Transparência de Porto Belo, o contrato com essa empresa iniciou em janeiro de 2014  e término em janeiro de 2015, no valor de R$ 282.000,00, recebeu um acréscimo de R$ 325.302,00 e foi prorrogado para 14 janeiro de 2016 (hoje).   Em 2014, a empresa recebeu dos cofres públicos o valor de R$ 228.101,99 e em 2015 foram R$ 301.600,85.

A empresa é de Bombinhas, tendo como único proprietário Germano Raymundi e com capital social de R$ 100.000,00. (Fonte: Receita Federal)




Artigos da Categoria:
Meio Ambiente

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *